POESIAS- ÍNDICE DAS PÁGINAS


Cada link traz três, alguns quatro poesias.
Caso você prefira, acesse nosso índice alfabético, com o nome de cada poesia. Não o colocamos nesta página para não ficar muito carregada. 

AVULSAS:
A PLACA

NO BANCO DA PRAÇA (07/-8/17)

ESPERA (maio 2017)

POESIAS 120

A MANSÃO ASSOMBRADA

APENAS POR UM MOMENTO, SENHOR!

SETENTA E DOIS ANOS



POESIAS 119

TARDE PACHORRENTA

O AZUL DESSA FLOR

NEM ISTO NEM AQUILO


POESIAS 118

VOSSA PRESENÇA, SENHOR!

NAS PALHAS DE UM COCHO

SÃO 43 ANOS!


POESIAS 117

A MÃO DIVINA

TARDE ENFADONHA

NESTA MANHÃ, SENHOR!


POESIAS 116

AMBRÓSIO

OS HÓSPEDES DE CARLOS DE FOUC.

EM VOSSAS MÃOS, SENHOR!


POESIAS 115

A NUVEM E O CAMINHO

O ARREBOL DO OCASO

O GIRASSOL ESPERANÇOSO


POESIAS 114

METÁSTASE

NESTA DELICIOSA TARDE

AMIGOS QUE PARTEM


POESIAS 113

ALEGRIA DO REGRESSO

O CAMINHO DA ESPERANÇA

O SILÊNCIO PESADO


POESIAS 112

NOSSAS AMIZADES

N. SRA. APARECIDA

AS CINZAS DO PASSADO

POESIAS 111

O MARREQUINHO

O GALO E A GALINHA

A DONA DE CASA


POESIAS 110

A PRIMAVERA DO ENDIVIDADO

COM QUE PALAVRAS?

OS CAMPOS FLORIDOS


POESIAS 109

PRECE DE UM ESCRAVO

AS ÁGUAS

PAREI NO TEMPO


POESIAS 108

SINTO A VIDA RENASCER

ALEGRIAS RAREFEITAS

A BRISA DA TARDE


POESIAS 107

TUDO PASSA

O MISSIONÁRIO

A GRAÇA DIVINA


POESIAS 106

MAIS UMA TARDE

RUMORES

A ÁRVORE E A ESTÁTUA

QUE ALEGRIA, SENHOR!


POESIAS 105

CONFIO EM VÓS

JOVEM!

A BAILARINA


POESIAS 104

NÃO IMPORTA

-LUCIANO

SEMPRE AVANTE!


POESIAS 103

MEU MUNDO ATUAL

O PATINHO

NECESSITO DE VOSSO AMOR


POESIAS 102

FIM DE TARDE

NÃO PUDE DIZER ADEUS.

SERVIR COM ALEGRIA


POESIAS 101

VIVER OU MORRER!

DE REPENTE

SEM RUMO


POESIAS 100

INSTANTES MÁGICOS

NEM ROSAS, NEM JARDIM

NUM ÁRIDO DESERTO


POESIAS 99

JESUS NO SACRÁRIO

POUCO ME RESTA

RIO DESPOLUÍDO


POESIAS 98

TERCEIRAS QUADRINHAS


POESIAS 97

A ORAÇÃO DA CONFIANÇA

A CACHOEIRA E A CIDADE

ESPERANÇA E ALEGRIA


POESIAS 96

LINHA DE CHEGADA

A MINHA CASA

A ORAÇÃO NO DESERTO


POESIAS 95

POR QUE ESSAS LÁGRIMAS?

SENHOR, VÓS SABEIS TUDO!

A CACHOEIRA


POESIAS 94

SEGUNDAS QUADRINHAS


POESIAS 93

FINAL DE DOMINGO

QUAL BELA FLOR

O INVERNO CHEGOU


POESIAS 92

MEU AMIGO GASTÓN (76 a)

MEUS AMIGOS

VALSA ETERNA


POESIAS 91

O PERCEVEJO, O PERNILONGO, A ARANHA

MEUS 71 ANOS

A FLORZINHA ABANDONADA


POESIAS 90

INFELIZMENTE

DESPEDIDA

NA TARDINHA


POESIAS 89

DONA ALEGRIA

FICAR ATOA

AINDA HOJE


POESIAS 88

DA TRISTEZA À ALEGRIA

TUDO O QUE VOS PEÇO

NA LUZ EM QUE HABITAIS


POESIAS 87

O OCASO E A EUCARISTIA

DO SACRÁRIO

O MUNDO MASSACRADO


POESIAS 86

A PLANTINHA ISOLADA

SAL E LUZ


POESIAS 85

O PEIXINHO

O CONVENTO E A PRISÃO

SOMOS TÃO POUCOS!


POESIAS 84

NADA MAIS-

A ÁRVORE CENTENÁRIA

TEU ROSTO, SENHOR!


POESIAS 83

JÁ SINTO SAUDADES

JOGO IMPROVISADO

AS FÉRIAS FINDARAM


POESIAS 82

SOLITÁRIO SOLIDÁRIO

SENHOR MUITO AMADO!

SÃO 42 ANOS !


POESIAS 81

OS SINAIS DE DEUS

O DESERTO

A CONVERSÃO DO MEU AMIGO


POESIAS 80

ALEGRIA NA TARDE TRISTE

FERNANDO

ONDAS QUE SOBEM E DESCEM


POESIAS 79

SALMO 56 (55), 8

AMIGO QUE VAI...

SANTA TERESINHA


POESIAS 78

A VOSSA IMAGEM, MARIA!

O MEU JARDIM

A ESCOLHA DO MAL


POESIAS 77

OS VENTOS TE ESPERAM!

O LEITO DO RIO

PARÓDIA


POESIAS 76

AMAR E SER AMADO

SÃO 12 ANOS!

O SOFRIMENTO PURIFICA


POESIAS 75

- OS VELHOS E O BANCO

IRMÃO CARLOS DE FOUCAULD

A NATUREZA AGONIZA


POESIAS 74

- ESTRO AMORDAÇADO

LOUVADO SEJA O SENHOR

ESTRADA VAZIA


POESIAS 73

A VELA E O SOL

PALAVRAS MUDAS

MAIS UMA VEZ


POESIAS 72

ORAÇÃO DE UM PRESIDIÁRIO

FAÇO A VOSSA VONTADE

HEBREUS 12,1-2


POESIAS 71

TUDO CORRE

A PRAIA DO MARUJÁ -2-

CONTEMPLAÇÃO


POESIAS 70

A FRAGILIDADE DA VIDA

A PAZ

MAIS UMA VEZ, SENHOR!


POESIAS 69

SONOLÊNCIA

A DOENÇA

ADÁGIO


POESIAS 68

A TARDE ME ATRAI

FAXINAÇÃO

A UNIDADE


POESIAS 67

A HORA DO ADEUS

QUASE SEM RIMAS

MEU SINCERO DESEJO


POESIAS 66

MARIA KEKARITOMÉNE

MARIA, MÃE QUERIDA

MEU COLEGA DE INFÂNCIA


POESIAS 65

O SONHO

ORAÇÃO SINGELA

A SOLIDÃO DO CORAÇÃO


POESIAS 64

AS PEDRAS DO CAMINHO

QUADRINHA

NESTA MANHÃ, SENHOR!

QUE DIA ABENÇOADO!


POESIAS 63

DIA DE DESERTO

TARDE DE OUTONO

MEUS PAIS


POESIAS 62

DE PROFUNDIS

MEUS 70 ANOS

VÉSPERA DE NATAL DE 1954


POESIAS 61

OBRIGADO, SENHOR!

O RETRATO NA PAREDE

MINHA NOVA CHEFE


POESIAS 60

INGRATIDÃO

ALEGRIA E TRISTEZA

O PADRE TRAPALHÃO


POESIAS 59

AMIGO!

AS PESSOAS E O SACRÁRIO

A GOTA


POESIAS 58

O PICO AGULHAS NEGRAS

SURSUM CORDA!

AMIZADE


POESIAS 57

A ABELHILHA EDMÉIA

PITOCO, NOSSO CÃOZINHO

O CÃOZINHO DO VELHO


POESIAS 56

ENREDO

A MISERICÓRDIA DIVINA

PÁGINAS PASSADAS


POESIAS 55

A PLANTA VIÇOSA

O MARIDO APAIXONADO

AGORA


POESIAS 54

O TEMPO PASSOU

A VOLTA

ÁGUAS PASSADAS


POESIAS 53

A FAXINA

O OPERÁRIO DA MESSE

VAIDADE, TUDO PASSA!


POESIAS 52

SONETO DA SOLIDARIEDADE

“LE LAC DE CÔME”

APESAR DE TUDO


POESIAS 51

A CHUVA MÁGICA

41 ANOS!

41 ANOS DE MISSA


POESIAS 50

A QUERMESSE

O PODER DAS PALAVRAS

E O CÉU SORRIU!


POESIAS 49

PRIORIDADES

A CASTIDADE

A FLORZINHA


POESIAS 48

O CORVO

A VELHICE CHEGOU!

MINHA SOLIDÃO


POESIAS 47

A FLOR

TREVAS E LUZ

A TRAVESSIA


POESIAS 46

RETALHOS

SIMPLES

ESTOU CANSADO, SENHOR!


POESIAS 45

CHIQUITO

SAUDADES DE TI, MÃE!

AO LADO TEU, SENHOR!


POESIAS 44

ENTRAR OU NÃO ENTRAR

NOTURNO

MEU LIVRO


POESIAS 44

HORA SANTA –

MINHA MORTE

AS LÁGRIMAS DO CAMINHO

TEU ROUBO


POESIAS 43

O QUARTO ESCURO

CHEFA DOMINADORA 01

CHEFA DOMINADORA 02


POESIAS 42

TRÊS PALAVRAS

O INVERNO

O CHOCOLATE

O LAGO AZUL


POESIAS 41

O JANTAR

TEUS OLHOS

A VOSSA PAZ


POESIAS 40

ET...CETERA

O ÚLTIMO ADEUS

MEUS 69 ANOS


POESIAS 39

COCHILO

INSTANTES

INSATISFAÇÃO

POESIAS 38

PENSAMENTO VAZIO

SILÊNCIO DA INSÔNIA

DESLIGO TUDO


POESIAS 37

SAARA, 2000

CONTROLE REMOTO

GANDHI


POESIAS 36

O PERCEVEJO

O PERNILONGO

O SOL


POESIAS 35

ADORO-VOS, SENHOR!

PALAVRAS

ACENO

NA BEIRA DA ESTRADA


POESIAS 34

TÉDIO

DOMINGO

SIMPLICIDADE

VIVER DE AMOR


POESIAS 33

AUSÊNCIA

LIVRO X INTERNET

ESCURIDÃO

FESTA


POESIAS 32

FLORES TRISTES

A CAMINHADA- (1ª versão)

A CAMINHADA – (2ª versão).

UM INSTANTE


POESIAS 31

O COPO DE LEITE

SOBREMESA

ÁGUAS TRANQUILAS

MEU VASO QUEBROU.


POESIAS 30

RESPINGOS

NOITES ALGEMADAS

VELHICE

RUÍDOS


POESIAS 29

VÉSPER

BOM DIA, ALEGRIA!

ENQUANTO EU POSSO TE AMAR


POESIAS 28

AS FORMIGAS

LÁGRIMAS

O PARAÍSO


POESIAS 27

LÁ SE VÃO 40 ANOS...

ACRÓSTICO DE NATAL

NO PRESÉPIO, NO SACRÁRIO


POESIAS 26

A TEMPESTADE

O INCENSO

SONHO


POESIAS 25

O TEMPERO

O FIO DOURADO

O DIA FINDOU


POESIAS 24

O PASSADO –

ESCADAS

VIDAS VAZIAS


POESIAS 23

LEMBRANÇAS –

SILÊNCIO –

AS ROSAS -


POESIAS 22

O TEMPO FUGIU

EU TENHO QUE CHEGAR!

PARABÉNS A VOCÊ!


POESIAS 21

SAUDADE

MEUS 68 ANOS

O SILÊNCIO DA TARDE


POESIAS 20

O EMPREGO PERDIDO

A CHUVA FININHA

ALGUM DE VOCÊS


POESIAS 19

O LIVRO SE ABRIU

AS FLORES DO VASO

FUI INDO POR UM CAMINHO


POESIAS 18

A TERRA DESTRUÍDA

O SILÊNCIO DO DESERTO

MARIA, SEMPRE PENSO EM TI


POESIAS 17

“SEU MUNDO CAIU!”

O LIVRO

DIANTE DE VÓS, SENHOR!


POESIAS 16

SUSSURRO

O GIRASSOLZINHO

PALAVRAS NO BLOG


POESIAS 15

ORAÇÃO DE UM MONGE

O SILÊNCIO DA NOITE

BRINQUEDO ESQUECIDO


POESIAS 14

ORAÇÃO A MARIA

OPÇÃO

PRECISO APAGAR ESTE SORRISO!

RIR DO MUNDO

DESESPERO ESPERANÇOSO

FAZEI-ME, SENHOR, EM PEDACINHOS...


POESIAS 13

OS 19 ANOS DE UM ALCOÓLATRA

O COMODISMO DO ACOMODADO

PARA A TONI


POESIAS 12

LÁGRIMAS TURVAS

MEUS DEZESSETE ANOS

TEUS 18 ANOS...

HOMENAGEM À D. MEIRE


POESIAS 11

DESENCANTO

NOVO CAMINHO

OUTRA VEZ A CHUVA


POESIAS 10

PAZ

TÊNUE LUZ

CURVAS E FLORES


POESIAS 09

O CAMINHO DO PEREGRINO

O BOLINHO PERDEU O SABOR

A FLOR E O FURACÃO


POESIAS 08

NA CALMA DA NOITE

O LÍRIO DOURADO

O SORRISO


POESIAS 07

A FLOR DAQUELE VASO

SEM EIRA NEM BEIRA

... E A VELHICE CHEGOU


POESIAS 06

INSÔNIA

A BRASA

FLORES SECAS –(1ª VERSÃO)

AS FLORES SECAS (2ª VERSÃO)


POESIAS 05

A PESCARIA

NO SILÊNCIO DA PRAÇA

CALAFRIOS


POESIAS 04

AÇÃO DE GRAÇAS

LÁGRIMAS MATERNAS

ENTRELINHAS


POESIAS 03

SEMPRE EM MEU CORAÇÃO

ESPERANÇA

-O SILÊNCIO


POESIAS 02

EM BUSCA DA FELICIDADE

CHUVA TRISTE

AS NUVENS


POESIAS 01

MOMENTOS DE SOLIDÃO

O CARRETEL DE COSTURA

PERDIDO NA FLORESTA

Nenhum comentário:

Postar um comentário